Notícias

Blog Single Image
17
out

Explosão de Caixa Eletrônico, Cidades sitiadas pelo medo e a Polícia desaparelhada


São José dos Pinhais é a segunda arrecadação do Estado, mas essa colocação não é percebida pelos cidadãos nos serviços públicos, dentre eles na segurança pública diante do desaparelhamento das policias civil e militar, onde policiais servem com a própria vida sem reconhecimento e investimentos necessários para o enfrentamento de marginais melhor armados e equipados.

O Estado do Paraná comete crime contra os direitos humanos quando permite que policiais arrisquem a vida de forma irresponsável ao deixar de oferecer equipamentos e armas adequadas ou superiores às utilizadas pela criminalidade.  Na última quarta-feira, 12/10, às 06h da manhã o silêncio do centro da cidade foi interrompido por explosões e tiros de fuzil a duas quadras do shopping, quando a agência da Caixa Econômica Federal foi assaltada e policiais militares colocaram a vida em risco ao tentar conter a situação, basta ver o vídeo do tiroteio gravado por uma moradora assustada. (Link abaixo)

Até quando esperar? Em muitas localidades a espera há muito tempo se converteu na participação ativa da sociedade e os comerciantes passaram a custear combustível, conserto de viaturas e doação de armas à Polícia Militar, a exemplo de Tijucas do Sul, Paranavaí e outras cidades.

Por estes motivos a Associação Comercial – ACIAP e o Conselho de Segurança estão arrecadando doações para a compra de Fuzil para a 1ª Companhia de Polícia Militar, mais uma iniciativa da sociedade para dar condições de trabalho à polícia local, pois a espera pelo Governo do Estado tem sitiado as cidades pelo medo e colocado em risco suas vidas, lembrando que policiais também são cidadãos e pais de família.

Jaiderson Rivarola
Presidente da OAB – São José dos Pinhais, foi também presidente do Conselho de Segurança de 2008 a 2010

Vídeo assalto (tiros):

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *