Notícias

Blog Single Image
04
mar

Passei na OAB e agora como vai ser?


Depois de cinco anos na faculdade, muito estudo e às vezes até cursinho preparatório, veio a esperada aprovação na OAB, a entrega da credencial e com ela o desafio de conquistar clientes, administrar processos e mediar conflitos. Situações nem sempre vivenciadas na faculdade ou nos estágios, agora sim é pra valer.

Cobrar consulta?, fazer contrato de honorários? Quanto cobrar para que a relação tempo/responsabilidade/lucro seja boa para você? As perguntas são compartilhadas nas mídias sociais, assim como modelos de petições, estudos de casos e os desabafos do dia-a-dia sobre violação de prerrogativas em audiências, constrangimentos em delegacias e repartições. Além disso, há colegas que, literalmente, roubam clientes com propostas menores de honorários, desvalorizando e prejudicando toda a classe.

A Advocacia iniciante é teste de persistência, coragem e humildade, as coisas podem não acontecer como planejadas, as dúvidas e a ansiedade são constantes quando a liberdade, o direito de alguém depende de você e claro, não só de você. Cada Juiz pode ter um entendimento diferente, o Promotor de Justiça e em grau de recurso os Tribunais possuem jurisprudências que se contrapõem sobre os mesmos temas. Você não esta sozinho, há os amigos da faculdade e professores que mantiveram contato, e aquela que vai lhe acompanhar em toda sua carreira, a ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL.

É importante conhecer o trabalho da OAB, que não serve apenas para cobrar anuidade e punir infrações éticas, há serviços como a Escola Superior da Advocacia (ESA), da Caixa de Assistência dos Advogados (CAA), OABprev e o trabalho da Ordem pelas Prerrogativas. Com o tempo você percebe que se utilizar o que é oferecido a anuidade se paga e, principalmente, você tem a quem recorrer quando sua prerrogativa é violada. Há sim conselhos de classe que apenas cobram anuidades, basta conversar com amigos de outras profissões, por isso o advogado precisa conhecer a instituição da qual pertence, reclamar e interagir não apenas nas redes sociais e no período eleitoral, quando aparecem sugestões e críticas para o bem de todos.

Por tudo isso temos que acreditar, seguir em frente, logo vai chegar a primeira de muitas sentenças, reformas no Tribunal e boas notícias como o evento ALVARÁ EXPEDIDO. O pagamento dos honorários é sim um reconhecimento, mas há outra que marca a vida de um bom advogado, o agradecimento daquele cliente que viu seu empenho na condução do processo, o melhor resultado de todo seu trabalho por ter alcançado a JUSTIÇA.

Participe das Comissões, Cursos das ESA, faça (agora) suas sugestões e criticas!

JAIDERSON RIVAROLA Presidente da Subseção de São Jose dos Pinhais

Contato

ouvidoria@oabsjp.org.br, sjpinhais@oabpr.org.br ou presidencia.sjp@oabpr.org.br


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *