Sem categoria

Blog Single Image
09
abr

OAB São José vai mobilizar Deputados Estaduais, Prefeitos e Vereadores por Falta de Estrutura do Judiciário

Em 2015, o então Vice-Presidente da OAB São José, Jaiderson Rivarola, conseguiu em Brasília, assinaturas de toda bancada de parlamentares do Paraná, em requerimento pela criação de cinco Varas da Justiça Federal na Região Metropolitana de Curitiba, para São José dos Pinhais, Araucária, Colombo e Campo Largo, processo que está tramitando no Conselho Superior da Justiça Federal. Na oportunidade a Gazeta do Povo fez reportagem do trabalho da OAB/PR e ressaltou a iniciativa da OAB São José, notícia de capa e no caderno Vida e Cidadania de 29/07/2015. (Link: Matéria Gazeta do Povo)

 

Agora a diretoria vai buscar apoio dos Deputados Estaduais, Prefeitos e Vereadores para discutirem o acesso à Justiça Estadual na atual estrutura do Judiciário na região metropolitana, em especial nos Foros Regionais de São José dos Pinhais, Fazenda Rio Grande, Pinhais e Piraquara, considerando suas deficiências em comparação com outras cidades do mesmo porte. O objetivo é  chamar a atenção dos legisladores e do próprio Tribunal, a Subseção vai apresentar números das deficiências dos Fóruns que integram a subseção.

 

A OAB São José é composta por São José dos Pinhais, Pinhais, Piraquara, Fazenda Rio Grande, Tijucas do Sul, Mandirituba e Agudos do Sul, que além dos mais de 1700 advogados, possui 428.004 mil eleitores e formam um grande polo industrial, segundo dados do IBGE e do TSE. “É preciso informar e chamar a atenção da classe política para o que está acontecendo, embora haja separação de Poderes, o Estado é um só. Não podemos mais admitir falta de Juízes, Servidores e prédios do Fórum como o de Piraquara, que esta abandonado.” disse o Presidente da Subseção, Jaiderson Rivarola.

 

A OAB São José dos Pinhais vai visitar Prefeitos, Presidentes das Câmaras de Vereadores, Deputados Estaduais e o Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, para entregar ofício e falar sobre as reclamações de advogados, servidores e, principalmente, dos cidadãos que buscam o Judiciário nos Fóruns.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *