Notícias

Blog Single Image
18
nov

EMANCIPAÇÃO POLÍTICA DE AGUDOS DO SUL


Agudos do Sul é um Município brasileiro do estado do Paraná, com clima subtropical, localizado na região metropolitana de Curitiba. Tornou-se oficialmente Município em 25 de julho de 1960, quando desmembrou-se do Município de Tijucas do Sul. A história de Agudos do Sul teve seus primórdios atrelados aos grandes proprietários de terras de ervais que traziam suas famílias de outras regiões para aqui habitarem, promovendo o aumento da população do até então povoado.

O primeiro nome que a cidade recebeu foi Agudos e em 20 de março de 1903 passou à categoria de Vila. A origem do nome Agudos é de ordem geográfica, em razão de a cidade possuir Cerros no local. Com o passar do tempo, a cidade começou a ser confundida com a cidade paulista de Agudos; devido a isso, por volta de 1943, o nome foi alterado para Carijos, pois havia uma grande quantidade de erva mate do tipo carijo no local.

Carijos passou a categoria de distrito administrativo pertencente a São José dos Pinhais, todavia, devido a não aceitação popular do nome, foi criada a Lei estadual n°. 02, de 11 de outubro de 1947, alterando a nomenclatura de Carijos para Agudos do Sul.  Na década de 1951 foi criado o distrito administrativo no qual a cidade teve seu território pertencente ao Município de Tijucas do Sul, segundo a Lei estadual n°. 790 de 14 de novembro de 1951. Em 1960, Moysés Willi Lupion de Tróia, atual governador da década, sancionou a Lei n°. 4.245/60 que criou o Município de Agudos do Sul, desmembrando-o de Tijucas do Sul e, na data de 18 de novembro de 1961, ocorreu a instalação oficial do Município sendo empossadas autoridades municipais. O Município passou a fazer parte da região metropolitana de Curitiba somente em 22 de abril de 1997.

Atualmente Agudos do Sul contém aproximadamente 9.470 habitantes. 65% desse total reside na zona rural. O maior fluxo econômico do Município é baseado na agricultura com a produção de fumo, milho, batata-salsa, feijão, maçã, morango e outros. Além disso, apresenta projetos voltados para a agricultura, como o projeto ‘Agricultura Familiar’ que tem por objetivo reduzir as desigualdades sociais e estimular a produção orgânica de alimentos. A COPASOL Sul é um projeto que apoia e gera renda com a produção de hortifrutigranjeiros na região. Nele, são processados alimentos como geleias, sucos e doces de panificação como pães, bolos e bolachas. Um dos sabores que faz parte da gastronomia do Município é a ‘vaca atolada’, que é preparada no fogão a lenha. Também são apreciados o coscorão, pastel de requeijão e a coxinha de batata-doce.

As cachoeiras compõem os pontos turísticos no interior do Município.  A localidade chamada Taboão vem se tornando o novo espaço de lazer da cidade, a paisagem é formada por pequenos riachos e vegetação densa, assim como quedas d`água. A cidade também conta com projetos voltados para o esporte, como o “AgudoLama” que percorre aproximadamente 70 quilômetros em meio a vegetações abundantes e a Caminhada Internacional na Natureza e Ciclismo Rural, além do incentivo ao lazer com os pesque-pague, camping, piscinas e trilhas.

Agudos do Sul é uma cidade tranquila e gostosa de se viver.

AMANDA BEATRIZ GUIMARÃES BUENO E VICÊNCIA GLESIA MORAIS DE AGUIAR


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *