Notícias

Blog Single Image
03
maio

Comissão de Direitos Humanos reconhece trabalho de Policiais Militares

 

A Comissão de Direitos Humanos da OAB São José dos Pinhais, seccional do Paraná, entregou na sexta-feira, 30/04, certificados de reconhecimento por ato de bravura em prol da sociedade civil aos Policiais Militares: soldados Santiago, Santi, Folgiarini e cabo Paulo. O fato pelo qual foram homenageados se deu dia 12/03, enquanto atendiam ocorrência com fogo em residência, oportunidade em que salvaram vidas e demonstraram total comprometimento com seu juramento ao combater o fogo e ao se arriscarem em meio a fumaça tóxica para procurar outras vítimas. A Subseção enviou ofício sobre o ato dos Policiais ao Comandante do seu Batalhão, Ten. Cel. Ribas e a Comandante Geral da Polícia Militar do Paraná, Cel. Audilene Rocha.

 

O evento contou com a participação do Comandante do 17º Batalhão de Polícia Militar, Ten. Cel. Renato Ribas e do Comandante da 1ª Cia da PM, Capitão Galeski, membros da Comissão de Direitos Humanos, advogados e familiares dos homenageados. O Comandante do 17º agradeceu pela homenagem inédita e ressaltou que atitudes como essa são importantes para aproximar cada vez mais a sociedade com a instituição.

Para a Presidente da Comissão de Direitos Humanos, Solange Stunder, o ato de salvamento de vidas, arriscando as suas é uma atitude heróica, que merece reconhecimento. O Presidente da Subseção, Jaiderson Rivarola, enfatizou que Direitos Humanos são para todos, não só como se desenha na imprensa, mas também para aqueles que a promovem. O reconhecimento demonstra que a sociedade preza por uma polícia cidadã.

 

A OAB São José dos Pinhais e a Comissão de Direitos Humanos da OAB/PR realizaram, em 2017, um seminário de Direitos Humanos, em Pinhais, com a participação de mais de 600 inscritos entre soldados, oficiais e estudantes de direito que puderam ouvir expoentes do direito penal e dos direitos humanos. Foram palestrantes do evento: a presidente da Comissão de Defesa das Prerrogativas Profissionais da OAB Paraná, Priscilla Placha Sá; a Conselheira Estadual Melina Fachin, integrante da Comissão de Direitos Humanos da OAB Paraná; o presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos do Conselho Federal, Everaldo Bezerra Patriota; o Juiz federal de Curitiba Flávio Antônio da Cruz; a psicóloga Maria de Fátima Quintal de Freitas; a Coronel da Polícia Militar Karin Denise Krasinski; o comandante da Academia Policial Militar do Guatupê, Mauro Celso Monteiro e o professor pós doutor em Ciências Sociais Aplicadas Maurício Stegemann Dieter.


Uma resposta para “Comissão de Direitos Humanos reconhece trabalho de Policiais Militares”

  1. João Luís V. Teixeira disse:

    Parabéns aos homenageados e pela iniciativa da homenagem. Verdadeiros heróis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *